Postado na categoria Natureza e Aventura em 24 de agosto de 2017 por Grasi e Luciano

Um final de semana no Vale das Pedras – hotel fazenda em Santa Catarina

  • Hospedagem
  • Jaraguá do Sul
  • Todos
  • R$ 936

Conheça o Vale das Pedras, um delicioso hotel fazenda em Santa Catarina

Algo que a gente se identifica muito é com áreas rurais, animais, lagos, etc. Volta e meia a gente procura fazer alguma programação em lugares assim, pois remetem aos melhores momentos de lazer em família da nossa infância.

Dessa vez, fomos conhecer um hotel em Santa Catarina que tem uma estrutura incrível e atendimento impecável! O Hotel Fazenda Vale das Pedras fica em Jaraguá do Sul, perto de Joinville (70km do aeroporto) e Navegantes (110km) mais ao sul. O hotel serviu de ponto de encontro com o irmão da Grasi (Eze), a cunhada (Tati) e nosso sobrinho (Enzo), que vieram do Rio Grande do Sul pra passar o final de semana com a gente.

Saímos de São Paulo pelas 19h30 e chegamos no hotel às 22h30. Cansados da semana e da viagem, ao chegarmos na recepção fomos atendidos pela Anali e a Elaine, muito simpáticas, que nos ajudaram com um rápido check-in. Aliás, na recepção eles são muito eficientes e a todo momento você acaba indo até lá pra agendar uma atividade extra, pegar uma bola, toalhas para a piscina ou tirar alguma dúvida.

Apartamentos

O hotel possui diferentes tipos de acomodação, mas todas elas tem uma vista privilegiada do hotel e proximidade com as áreas de lazer. Ficamos na suíte master, que possui um quarto com dois ambientes. Possui um sofázinho e poltronas que utilizamos pra conversar com os familiares na noite da nossa chegada.

A cama é gigante e extremamente confortável (o Enzo aprovou, hehe). Naqueles dias, o friozinho fez a gente puxar uma coberta mais pesada. Tudo ali é de qualidade e limpíssimo. O banheiro, grandão, tem uma boa banheira de hidromassagem, além do chuveiro. Os amenities (xampu, condicionador e sabonetes) são de ótima qualidade!

Uma varanda espaçosa com vista para o lago completam o espaço. Ela é equipada com uma cadeira de balanço e rede, pra relaxar com vista para o verde e a bela área do hotel.

Quem cuidou do nosso quarto foi a Nil, camareira de mão cheia. Além de manter o espaço em perfeitas condições, ela é artista. Após a arrumação, encontramos em cima da cama uma “escultura” de toalha em forma de cachorro! Muito bem feita! Quando encontrei ela no corredor eu perguntei se foi obra dela e ela confirmou. Ponto pra ela, que além de ótima profissional, estava sempre com um sorriso no rosto.

 Recreação

A Caramelo, a menina mais animada da recreação, estava toda hora convidando o povo para participar das atividades. Ela é uma figura. E ainda falava: “Pessoal, vamos lá, se vocês não fizerem as atividades eu não recebo meu salário!”. O povo dava risada e não conseguia dizer não a ela.

Particularmente admiramos muito essa profissão. Temos um carinho especial, pois durante 1 ano trabalhei (Lu) no Plaza Itapema Resort na equipe de recreação. Começou como um estágio que culminou numa temporada inteira e intensa. Tem que ter uma energia, disposição e jogo de cintura incríveis. A Grasi também teve sua experiência nessa área na época da faculdade.

No Vale das Pedras, a programação estava sempre anunciada em alguns murais. Com isso dava pra se programar pra fazer as atividades.

Uma das mais divertidas que vimos foi o torta na cara. Numa versão especial de Dia dos Pais, assistimos de camarote (tomando café) os pais levando tortadas dos filhos, em um jogo de perguntas e respostas – quem errava levava tortada. Alguns momentos foram emocionantes, quando uns pais respondiam errado as perguntas só pra ver a alegria dos filhos. Cada figurinha!

Lago de carpas, pesca e o “Mamá do Peixeco”

Aqui vale um destaque para outros profissionais do hotel, que ao ver uma oportunidade, fazem questão de dar uma atenção especial. A gente estava com o Enzo, nosso sobrinho e afilhado de 1 ano e 10 meses. A todo momento a gente passeava com ele, que ao ver tanta coisa diferente achava o máximo. Saindo do restaurante um dia, paramos no lago das carpas, que fica bem próximo à porta. Os peixes são maravilhosos e tem uma roda d´água bem bonita.

Ao passarmos pelo Vanderlei, garçom, ele falou: espera um pouquinho que vou pegar um pãozinho pra vocês darem para os peixes. Que legal essa iniciativa né? O Enzo pirou. Ficamos uns 20 minutos ali, praticamente colocando a comida na boca dos peixes.

DCIM104GOPROG6504894.

Esse laguinho também é o lugar de uma programação, o “Mamá do Peixeco”. O nome é bom né? Eles preparam uma comida para os peixes e colocam dentro de uma mamadeira presa num cabo. Aí os hóspedes, com ajuda dos tios da recreação, dão comida na boca dos peixes. Muito legal.

E pra quem gosta de pescar, um lago grandão fica disponível para a pesca esportiva. Da varanda do nosso quarto, conseguimos ver peixes bem grandes nadando por lá! Toda hora tinha gente curtindo esse espaço.

 

Esportes

A estrutura do hotel é muito diversa. Tem um ótimo campo de futebol, uma quadra poliesportiva, quadra de areia e ótimos espaço verdes pra criançada correr. Meu cunhado estava por lá e foi parceiro pra jogarmos basquete no final da tarde de sábado. Muito bom!

Ali do lado da quadra poliesportiva estão algumas estruturas muito legais. Uma delas é o minigolfe, que vira uma brincadeira muito legal em família. Ao lado dele o paredão de escalada e o arvorismo. Ali do lado também estão a quadra do vôlei de areia e estava montada a estrutura do slackline.

Ficam disponíveis o tempo inteiro bicicletas, que utilizamos várias vezes. O legal é que várias já possuem cadeirinha para crianças acompanharem os pais nos passeios.

Muita coisa pra fazer!

Quem tem filhos encontra um lugar perfeito e cheio de atividades coordenadas por uma ótima equipe de recreação. A programação infantil envolve os pequenos e liberam os pais pra curtir o hotel e a programação dos adultos.

Para crianças bem pequenas, como o Enzo, o Espaço Kids é muito bom. Ele fica ao lado do parquinho externo que ele também aproveitou muito!

Lá no hotel você vai encontrar também espaço zen, passeio a cavalo, passeio de charrete (olha o sorriso do Enzo, da Tati e do Eze, acho que eles gostaram hein? hehe), pebolim humano, trilhas na mata e pedalinho no lago. Aliás, são 450 mil metros quadrados de área verde!

São tantas opções que em dois dias fica difícil conhecer tudo. No final do sábado, quando relembramos tudo que fizemos, parecia que tinha se passado uma semana!

Eventos – harmonização de cervejas especiais e aula de ceviche

O hotel tem espaços muito bons para eventos, mas o interessante é que programam para os hóspedes. Tivemos a oportunidade de participar de duas atividades muito legais.

A primeira foi uma degustação de cervejas artesanais com harmonização de comidas feitas pelo chef do hotel. Que demais! A gente quase não gosta de cerveja né? No sábado o Cid, dono da cervejaria local Karsten, nos contou sobre o mundo das cervejas. Foi bem bacana, provamos três tipos, a weiss, depois uma red ale e fechou com uma excelente stout. Elas foram harmonizadas nessa ordem com: tilápia assada com pesto, brochete de mignon grelhado com legumes e brownie de chocolate.

Também assistimos uma aula de como fazer ceviche dada pelo chef do hotel, o Diego. Muito legal ele mostrar como fazer um prato saudável e delicioso como esse e até desmistificar que fazer peixe e, principalmente peixe cru é difícil. No final, degustamos a receita (é claro!).

Comida boa!

Que lugar pra comer bem hein? Com 4 refeições inclusas por dia, sendo café da manhã, almoço, café da tarde e jantar fica difícil comer pouco.

O café da manhã é impressionante. Além das opções clássicas de pães, frutas e sucos, você tem uma pessoa à disposição para fazer omeletes na hora. Os doces são imbatíveis. São várias opções de bolos, e entre eles várias cucas! Pra quem não conhece, cuca é um bolo de origem alemã, muito comum no sul do Brasil. Possuem recheios como uva, banana, doce de leite, e vários outros, ou apenas uma “farofa” doce como cobertura. A gente adora! Se não bastasse isso, muitas opções de queijos e frios, inclusive com salames coloniais estavam à disposição. Difícil era experimentar tudo!

O almoço sempre tinha alguma carne como referência principal. No primeiro dia foi um almoço mineiro, com carne de porco assada. No segundo foi servido costela de gado, que estava espetacular. Parecia que eles sabiam que essa é minha carne preferida. Ótimas saladas e acompanhamentos com vários tipos de queijos completavam o excelente buffet.

Mal terminávamos a digestão do almoço e as 16 horas já estava servido o café da tarde. O café é muito bom, e atacamos os doces novamente. O bom é que lá a gente faz muito exercício pra compensar, hehe.

 

Gentileza e jantares

Como a gente chegou pelas 22h30 no primeiro dia, perdemos o jantar. O que não contávamos era com surpreendente gentileza do pessoal do hotel. Fizemos o check-in e quando entramos no quarto nos deparamos com uma mesa preparada com muito carinho para nos receber. Pratos com uma excelente salada, pãezinhos e torradas babaganush e manteiga, além de frutas e um arroz doce maravilhoso de sobremesa. Que demais né?

No dia seguinte não perderíamos o jantar por nada. Após sair da piscina já com aquela fominha, tomamos um banho e fomos para o restaurante. E o que nos esperava? Um spaguetti feito dentro do queijo parmesão! Hum! Vários tipos de saladas, queijos e sobremesas ótimas pra acompanhar. Que beleza!

Depois do jantar fomos para o bar, que fica junto à sala de jogos. Tomamos umas cervejas artesanais e batemos papo por lá. Tinha música ao vivo e teve até homenagem das crianças para os pais.

Piscinas

O Hotel Fazenda Vale das Pedras é também excelente em piscinas. Além de grandes piscinas externas, eles possuem uma ótima opção térmica.

Como estava frio, aproveitamos apenas essa quentinha. O bom é que você pode utilizar ela até as 22 horas, e as pessoas realmente aproveitam. Ela funciona para todas as idades. Vimos vários casais com bebês, muitos deles colocando os pequenos pela primeira vez na água. Era uma festa só!

Passeio de quadriciclo

A atividade mais legal na minha opinião (Lu) foi o quadriciclo. Já tínhamos pesquisado e parecia realmente muito bom, mas superou as expectativas. Foi sensacional!

Agendamos na recepção, pois tem capacidade limitada. Tem que assinar um termo de responsabilidade e lá fui eu com a turma das 11 horas. Em 1 minuto o Jackson, instrutor da vez, explicou como funcionava a máquina. Aproveitei e pedi pra ele me ajudar a encaixar (amarrar) a GoPro no bicho pra registrar tudo!

É muito fácil de operar! Não precisa mudar de marchas e praticamente a única ação é acelerar! Fizemos uma volta para aquecimento, onde pegaríamos a manha do quadriciclo. Em seguida partimos pra cima do morro. De tão espetacular, voltei alucinado pra contar pra Grasi e já agendamos uma segunda rodada com ela para o período da tarde.

Pra conseguir reagendar, falamos com o Becker, gerente que estava de plantão. Rapidamente ele acionou a equipe da recepção e organizou pra gente. O Gabriel arrumou a documentação que precisamos assinar e pronto. A tarde foi a vez do instrutor Joelcio comandar o rally. Mais uma vez pedi pra prender a câmera no quadriciclo.

E a Grasi foi muito bem! Rapidinho ela aprendeu e mandou ver. Quando olhei pra trás ela tava acelerando em pé na motoca jogando lama pro alto. Que orgulho!

As várias trilhas incrustradas na montanha fizeram o cenário perfeito. Naquele final de semana chuvoso, as poças d´água só ajudaram a deixar a aventura ainda mais legal. Passar acelerando nas curvas e lamaçais era muito massa. E é meia hora sem parar nas subidas, descidas, curvas e pedras.

Essa atividade é paga a parte. Custa apenas 70 reais e vale cada centavo! Eu fiquei tão empolgado, que até perguntei o motivo de não divulgarem ainda mais. Sério, vocês precisam fazer isso!

 

Uma ótima experiência do início ao fim!

Adoramos a experiência e esperamos voltar em breve, de preferência com sol, que não quis aparecer durante todo o final de semana, hehe. Ao organizar nossa ida ao hotel, estivemos em contato com a Maiele e com a Juliana, gerente comercial. A Juliana foi extremamente prestativa, inclusive para conseguirmos reservar quartos próximos da nossa família. Foi ótimo!

A iniciativa e o cuidado de deixar uma excelente comida nos esperando no quarto foi demais! Isso é a versão prática da teoria da hospitalidade. E essa talvez seja a palavra que mais bem define o Hotel Vale das Pedras: hospitalidade. Parabéns, vocês mandam ver mesmo!

Quer se hospedar no Vale das Pedras? Faça a cotação aqui. Conhece algum hotel fazenda legal e quer compartilhar com a gente? Escreva aqui nos comentários.

 

hotel-fazenda-em-santa-catarina-vale-das-pedras-jaragua-do-sul

Não fique de fora das novidades do Tá na minha Rota!

Entre no Facebook e convide seus amigos pra curtir: Facebook.com/tanaminharota

Inscreva-se no nosso canal no Youtube: Youtube.com/tanaminharotablog

Siga o Tá na minha Rota no Instagram: Instagram.com/tanaminharota

E assine nossa newsletter para receber novidades e promoções de passagens no seu email: Newsletter

 

Hotéis: Reserve pelo Booking através desse link.

Apartamentos: Alugue apartamentos de temporada com desconto, pelo Airbnb através desse link.

 

Os sites acima, Booking e Airbnb, fazem cotações em diversas empresas/acomodações, garantindo os melhores preços e opções pra você. Reservando através desses links, você não paga nada a mais por isso e contribui para manter o blog sempre cheinho de novidades pra você!

 

Com carinho,

Grasi e Lu

 

Comentários

comentário

NEWSLETTER



Instagram

  • Dias de ☀️sol, 🌊mar e 🥥água de coco! ⠀⠀⠀
⠀⠀⠀
👉🏻Nesse final de semana não tem viagem. Mas vai ter muito trabalho de planejamento, posts pra escrever e fotos pra editar. ⠀⠀⠀
⠀⠀⠀
➡️Apesar das redes sociais não mostrarem, são muito mais dias produzindo conteúdo, em frente ao computador💻 do que ao sol, como na foto. ⠀⠀⠀
⠀⠀⠀
😍Blogar é isso e a gente curte muito!
  • ⛪️Um dos cartões postais de Ilhabela é a Igreja Matriz Nossa Senhora D’Ajuda e Bom Sucesso! ⠀⠀⠀
⠀⠀⠀
💙 Ela fica numa colina em frente a praça, bem no centrinho da cidade. ⠀⠀⠀
⠀⠀⠀
Foi construída em com pedras, 🐚conchas e óleo de 🐋baleia em meados de 1697 e foi inaugurada em 1803. 😍Uma graça né?
  • 🌴Praia da Fome - Norte de Ilhabela! ⠀⠀⠀
🌊Essa praia é famosa pelas condições ideias para🏊🏻‍♀️ mergulho de flutuação, a 💦água é uma delícia e transparente. ⠀⠀⠀
⠀⠀⠀
☀️Mas o que mais nos chamou atenção foi a calmaria, as 🏠casinhas antigas de pescadores, os 🛶barcos atracados e a beleza desse cantinho da foto. ⠀⠀⠀
⠀⠀⠀
🚤Estivemos nessa praia durante um passeio de barco. Que é a melhor forma de chegar até lá.
  • 🛎Passando pra contar que tem post novo no ar! Sobre a 🏡🛏pousada que ficamos em Trancoso, na Bahia. ⠀⠀⠀
⠀⠀⠀
🐚A @pousadasomdomar fica pertinho da praia, em meio ao verde e tem ótimo custo x benefício!
⠀⠀⠀
🏃🏻‍♂️Corre lá pra saber mais! 🔹www.tanaminharota.com.br. O link tá na bio👆🏼
  • 🍃🌊Praia de Castelhanos, Ilhabela. ⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀
👉🏻(Logo depois dessa 📷foto descobrimos que essa sombrinha boa também servia de sombra pras formigas 🐜 que em seguida, subiram na Grasi 😆).
  • 💙✌🏻Sente a vibe... Essa foi a praia que descobrimos ao chegar no 👉🏻@benscomidaria. Local que a princípio seria só pra almoçarmos ou até mesmo voltar mais tarde e curtir o pôr do sol. 🚙Chegamos até ele pq é bem avaliado pelo TripAdvisor (o número 1 de Ilhabela). ⠀⠀⠀
⠀⠀⠀
E pra nossa 😱surpresa pudemos desfrutar de uma 🏝prainha quase privada (ela nem foi catalogada) e com água cristalina. Tudo bem, o 🌊mar era um pouco agitado ali, mas quem poderia imaginar que teríamos essa experiência em pleno 🎉Carnaval de praias lotadas! ⠀⠀⠀
⠀⠀⠀
Tudo lá era muito 😋saboroso e o chopp 🍻gelado, tem lanches e pratos com um toque da Suécia🇸🇪 ✅Fica a dica, coloque o Ben’s Comidaria na sua rota, ele fica depois da praia do Veloso, na parte sul da ilha. 😬Só não esqueça do repelente viu!?
  • 💙Em algum lugar no lado leste da ilha, durante o 🚤passeio de barco que fizemos para Praia de Castelhanos. ⠀⠀⠀
⠀⠀⠀
📍Ilhabela, SP
  • ➡️Ontem foi o dia de conhecer a Praia de Castelhanos em Ilhabela. ⠀
⠀ 📍O lugar é tão bonito quanto difícil de chegar! Compramos um passeio que sai de 🚙jipe do centro da cidade e passa por estradas ruins que carros normais não conseguiriam passar. Ele fez duas paradas até chegar lá. 💦A primeira foi numa cachoeira na entrada do 🌱Parque Estadual de Ilhabela e o segundo no 🏞Mirante da Baía de Castelhanos. A volta foi através de 🚤barco rápido que faz duas paradas ⛱(Praia do Saco do Eustáquio e Praia da Fome). ⠀
⠀ 👍🏼Curtimos bastante o passeio, mas o tempo foi curto! 😢A saída acontece as 10h30 e a volta as 15h30. Acabamos ficando lá menos de ⏰3 horas, o que é pouco, pois tem coisas bonitas pra ver dos dois lados da praia, além do tempo necessário para uma rápida refeição. ⠀
⠀ 📷Essa foto tiramos de drone pelo canto mais deserto de Castelhanos, onde desemboca um 💧riozinho excelente para banho. Lugar espetacular que certamente voltaremos!😀
  • 🏝Estamos em Ilhabela, litoral de São Paulo! Vamos passar o feriado de 🎉Carnaval aqui. 👆🏼Acompanhe pelos stories que vamos mostrar as praias, onde comer, o centrinho, os blocos de Carnaval e nossas experiências. 📲(Se os stories demorarem um pouquinho, nos perdoem, pq internet não é algo fácil por aqui, ainda mais nessa época). 📷Na foto, a praia de Jabaquara que fica ao Norte da Ilha. Nós passamos o dia lá e adoramos! O mar tava ótimo e tranquilo pra entrar. Tem estrutura (barraca, comida, caiaques e sup pra alugar), mas como fica mais longe do centrinho, tem bem menos muvuca e é mais preservada. Essa foto tiramos do mirante, antes de chegar na praia.

Siga Me!